Revista Pool-life | Edição 72


Revista da Piscina – Nº72 – Outono / 2009.

 

Piscina mais segura

Planejar corretamente a instalação do ralo de fundo é a garantia de utilizar o principal componente da área de lazer sem riscos de acidentes

Por Vinícius Belenelo

São inúmeros os casos de acidentes ou mortes por afogamento devido instalação incorreta do ralo de fundo de uma piscina. Como ele tem a função de fazer a sucção de água para os dispositivos instalados na piscina como o filtro e outros acessórios para o tratamento químico e físico da água, além de aquecedores e cascatas, é preciso dimensioná-lo corretamente e realizar sua instalação de acordo com as normas de segurança do fabricante e da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Caso contrário, os cabelos e órgãos dos banhistas podem ser sugados e ficarem presos no ralo de fundo.

Fábio Zanetti, assistente de marketing da Sodramar, explica que o ralo de fundo é essencial para qualquer piscina. “Porém, ele se torna um grande vilão quando instalado de forma incorreta, pois quando o ralo é o único componente ligado à motobomba, os acidentes ocorrem com facilidade”, conclui.

 

Normas técnicas

Para evitar que acidentes e imprevistos indesejados ocorram em sua piscina, é imprescindível que sua construção siga as normas técnicas da NBR 10.339 da ABNT, que prevê diversas regras de segurança para esse que é o principal componente da área de lazer.

“Uma delas determina que toda piscina deve ter o ralo de fundo e um skimmer conectados em um mesmo registro hidráulico. Com isso, quando a motobomba é ligada esses dois itens realizam conjuntamente a sucção, evitando assim, riscos desnecessários”, ressalta Marcelo Henrique Consoli, diretor da Planeta Água Piscinas. Segundo ele, mesmo que a piscina tenha ralo de fundo o skimmer, e os dois tenham registro em separado, a possibilidade de acidentes é grande. “Também é importante que a piscina e os seus componentes e acessórios sejam corretamente dimensionados, pois a bomba, o ralo de fundo e a tubulação hidráulica devem estar de acordo com o volume e a vazão de água”, completa Consoli.

Zanetti explica que quando um único acessório trabalha individualmente com a motobomba, a força de sucção se torna elevada e dependendo da sua potência, aumentam consideravelmente os riscos de acidentes.

Como os ralos são responsáveis por grande volume de captação de água, a NBR 10.339 prevê uma velocidade máxima pela qual a água deve passar por eles. Essa velocidade não deve ultrapassar 0,6 m/s (metros por segundo). Quando esse índice se eleva, aumentam as possibilidades de prender os banhistas no fundo da piscina.

 

 

 

Quantidade de ralos

Para que a piscina seja ainda mais segura, as normas da ABNT ainda determinam a obrigatoriedade de instalar, no mínimo, dois ralos de fundo por motobombas, interligados a uma distância de pelo menos 1,5 m entre eles, mesmo que a vazão necessária para atender a sai piscina seja inferior a capacidade do ralo. Lembrando que esse componente deve sempre estar com sua tampa, pois mesmo quando dimensionado e instalado corretamente, pode causar acidentes caso esteja destampado.

 

Um para cada tipo de piscina

Como as piscinas podem ser de concreto armado, alvenaria estrutural, vinil ou fibra de vidro, outro ponto fundamental é verificar se o ralo de fundo é compatível com o tipo de piscina que será construído em sua casa. Isto porque os modelos são fabricados conforme as características técnicas de cada piscina.

 

Importante

Como a piscina é um dos motivos de alegria e diversão dos moradores da casa e seus convidados, nunca é demais tomar algumas precauções para evitar riscos que coloquem em perigo a saúde e a vida das pessoas de nosso convívio. Por isso, fiquem atentos quanto as dicas abaixo:

1-Ao decidir construir uma piscina, procure profissionais habilitados, qualificados e experientes, que sempre irão projetá-la de acordo com as normas técnicas de segurança. Caso não conheça nenhuma empresa construtora de piscinas consulte a Associação Nacional dos Construtores e Fabricantes de Piscinas e Produtos Afins (Anapp): (11) 5687-7888 ou www.anapp.org.br;

2-A instalação de ralos de fundo que não sejam compatíveis ao tipo de piscina instalado pode resultar em falhas e acidentes durante a sucção da água;

3-Fique sempre atento aos movimentos das crianças ao redor da piscina, pois elas sempre apresentam curiosidade e é extremamente perigoso colocar a mão nos acessórios hidráulicos da piscina;

4-Não deixe ninguém mergulhar na piscina quando o ralo de fundo estiver sem tampa ou quando a motobomba apresentar problemas de funcionamento e até mesmo quando a piscina estiver sendo esvaziada. 


COMPARTILHE:

Copyright © 2018 GENCO® | Todos Direitos Reservados

www.genco.com.br | www.gencopet.com.br | www.aquatrat.ind.br